Pastores simples e os grandes temas da teologia

Por Francielio de Freitas
Pastores simples e os grandes temas da 
Tenho aprendido muitas coisas lendo livros e estudando teologia. Tenho aprendido sobre antropologia, filosofia, a arte de liderar, a arte da fala em público, sobre harmatiologia, sobre as controvérsias na história do pensamento cristão, sobre o método de interpretação histórico-critico, sobre as várias correntes relacionadas a doutrina da grande tribulação etc. Mas, foi com pastores simples, do interior do estado, não tão bem instruídos nós diversos saberes do campo secular e teológico, que aprendi o essencial para minha vida cristã, a saber: a importância do amor sincero por Cristo, a necessidade do comprometimento com a obra de Deus, a priorização das coisas espirituais, a urgência de testemunhar de Jesus aos perdidos, o valor de uma vida de oração e jejum, o dever de cuidar dos necessitados, a grandeza de ser um adorador, o poder de uma vida plena do Espírito, como se alegrar nas provações, a suficiência de Cristo em meu viver, a missão suprema de glorificar a Deus em tudo, a ter no céu o alvo maior, a beleza da unidade ou comunhão cristã, entre outros temas de suma importância das escrituras e da fé cristã.

Não estou menosprezando os livros ou o estudo teológico, mas apenas considerando que minhas maiores influências no que tange ao essencial para minha fé, diferente do que se possa pensar, veio de pastores simples e leigos, porém homens piedosos e que amaram o rebanho a tal ponto de lhes ensinar, não só com as palavras, mas também com a vida, o que de fato é essencial para a manutenção da fé em Deus.

Cuidado para não super valorizar os livros e por causa de seus estudos teológicos vir a esquecer e até menosprezar aqueles que Deus primeiramente usou para lhe ajudar no alicerce da sua fé.

Tenho visto muita gente com o ego super inflado por causa dos estudos teológicos e se reportando a seus primeiros pais espirituais com ares de deboche ou de forma desdenhosa.

Enfim, cuidado para que o mero conhecimento dos grandes temas da teologia não faça de você uma pessoa soberba e portanto ingrata para com aqueles que dedicaram parte de seu tempo, ministério e esforços, apesar de duas muitas limitações, para lhe ajudar na fé em Cristo.