Opinião, Precisamos proteger nossas crianças dos ataques, por Marco Feliciano

Marco Feliciano via Pleno News
O que é preciso fazer para proteger nossas crianças de ferozes ataques à sua formação na primeira infância? Infelizmente, grandes investidas partem de pessoas consagradas na mídia e pelo grande público. Esse é o caso de Maya – Bebê Arco-íris, o novo “livro” da apresentadora Xuxa Meneghel, em que ela aborda o tema LBGT para bebês e crianças.

É deprimente ter que conviver com pessoas que usam da sua fama e prestígio para atingirem o maior bem da família, que é a inocência das crianças. Essa inocência é tão importante que faz parte até de preceitos bíblicos: “Educa a criança no caminho em que deve andar, e até quando envelhecer não se desviará dele” Provérbios 22:6.

A resposta é denunciar com todas as nossas forças. Assim como a liberdade de expressão permite os absurdos, temos que contra-atacar com a mesma intensidade. Certamente nos depararíamos com um paradoxo, como exigir critérios de faixa etária em materiais para bebês na mais tenra idade?

Aqui vai um aviso aos pais e educadores, protejam nossas crianças de tão terrível mal, o recrudescimento da malévola ideologia de gênero. E pior, partindo de alguém ainda com grande influência mesmo que decadente. Apelo para que deixem os pequeninos de Jesus em paz.


Finalizo pedindo a Deus que conscientize os pais sobre esse desnecessário ataque a nossas crianças. Que Ele derrame as mais doces bênçãos celestiais a nossas crianças.
Marco Feliciano, via Pleno News